sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Adiós, férias II

Me tornei um Zumbi. Lavar a louça, fazer a minha leitura diária, assistir minhas séries favoritas, tudo isso: Na madrugada. Troquei o dia pela noite desde o começo das férias. Enquanto todo mundo levantava, eu me deitava. Sempre me simpatizei melhor com a noite. Gosto dos meus horários alternativos, e é uma pena ter que me desfazer deles. 
Minhas férias se resumiram mesmo a isso. (Não que eu me importe, mas) quem não gostaria de sair da rotina, viajar? Eu só a mudei de horário. 
Agora fica o mais difícil: Ficar sem dormir um dia todo para conseguir dormir na hora certa. Meu relógio biológico já está acostumado a isso tudo. Tive uma tentativa frustrada hoje, quando dormi às 17H e acordei às 4H30. Mas tudo bem! Nada de pânico! As aulas começam no dia 15, portanto tenho tempo suficiente para dar um jeito nisso. (Contra a minha vontade) mas nem tudo é como eu quero. Só resta-me dizer com um aperto enorme no coração: Adeus, férias!

4 comentários:

Sandro Ataliba disse...

A manhã sempre me pareceu muito sem graça, sempre preferi a madrugada. Mas também tive que fazer tal mudança, embora meu corpo, até hoje, se recuse a dormir antes de meia-noite.
Sorte eu ser professor, e por isso ter chance de descanar durante o dia, em um ou dois dias da semana.

Ana.K disse...

Tudo é uma questão alternativa, logo acostuma novamente, rs.

bj ;*

• cynthia bs disse...

Tem selinho no meu blog para você. Espero mesmo mesmo mesmo que gostes.

Tudo de bom, e um ótimo domingão (:

Bjo **

Leila Bicalho disse...

A noite sempre tem algo envolvente que me falat no dia! Ela é com certeza mais linda tbm!

Beijo querida! LB