quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Adiós, férias I

Minhas últimas férias escolares estão em sua fase final. Não me lembro de ter tido férias tão rápidas assim há algum tempo. Na verdade, não me lembro de nenhuma das minhas férias terem passado rápido. Sempre ficava ansiosíssima com a volta às aulas. Faltam menos de duas semanas para o início da minha vida universitária. Estou feliz, claro. Mas ao mesmo tempo me sinto insegura e ondas de calafrios percorrem o meu corpo ao pensar nisso. Não por causa dos professores, provas, seminários, nada disso; pois já vivenciei tudo isso no decorrer do Ensino Médio. Mas por saber que são mundos totalmente opostos. Durante toda a minha vida, convivi com pessoas despreocupadas com o que vestir para ir à escola (e isso é normal, considerando que acordar às 6H nunca foi muito agradável, e ter que pensar em combinar cores e sapatos com a roupa, era ridículo e chato). Por isso eu nunca me preocupei com nada disso e esperava continuar assim. Gosto do desarrumado. Por mais perfeccionista que eu possa ser com outras coisas e situações, neste caso; sinto-me atraída pelo mal organizado. As pessoas eram divididas por números e letras e todos eram obrigados a vestir uma mesma camiseta feia, mas que ninguém notava, já que todos  nós tínhamos que usá-la. E eu também gostava disso. Nunca me agradou ser o centro das atenções e nunca gostei de quem gosta de ser (ou se sentir) o centro e todo o espaço possível da atenção. Também sempre senti uma pena enorme de quem a implora. Agora toda essa coisa que já se tornou algo natural nos meus dias, acabou. Ou melhor, mudou. E mudou muito! - Tenho que me comportar e me vestir da forma adequada para o que eu estudo, as pessoas são separadas por nomes de profissões e você pode ser o centro das atenções mesmo quando não deseja, se não seguir os padrões de comportamento. - Que horrível! - Quero ser eu mesma. Quero continuar a usar o meu desarrumado. Quero poder encher minha mochila, colocar o meu velho all star no pé e pronto! - Mas se eu ousar fazer algo assim, serei lembrada durante os cinco longos anos que começarão daqui há alguns dias. E como eu já disse, não gosto disso. Por isso terei que me adequar a este novo mundo.  (Ou não).

3 comentários:

Sandro Ataliba disse...

Prevejo muita surpresa em sua vida nos próximos meses. Acredito que você vá se assustar mais com a diferença de procedimento dos professores do que com a preocupação das pessoas com o visual. O "desarrumado" é a tendência das faculdades em geral.

Lilly M. disse...

Pois é queriida,
então somos duas.
Minhas férias acabam hojee :(
(tudo que é bom dura pouco,néah?)
Agoraa só resta torçer para que as próximas chegem logo. *_*

Beijo meu.

• cynthia bs disse...

Tem selinho para ti em meu blog (: