segunda-feira, 18 de julho de 2011

Julho

Hoje já é dia 18. Apesar de fazer mais de um mês sem postar, cá estou. Tenho para dizer que este ano tem sido muito bom e importante para mim. Quase fiquei louca com provas, trabalhos e... exames! Mas sobrevivi. E por isso estou mais tranquila. Vi que não é fácil, mas também vi que consigo. Basta eu me esforçar. E eu tenho me esforçado muito! Tenho absoluta certeza que escolhi o caminho certo e fico feliz por isso. Estou de férias da faculdade, porém, estou trabalhando há quatro meses em uma delegacia de polícia. E quer saber? Estou adorando! Apesar de todo machismo que alguns dinossauros que trabalham comigo tem. Também estou tirando minha carteira de habilitação. Em breve serei a mais nova habilitada a dirigir! Não dependerei mais da boa vontade do meu pai e da carona do meu namorado para me levar em algum lugar. Finalmente estou me tornando independente em alguma coisa.
Sei que nas últimas postagens escritas por mim, tenho falado muito (até demais) sobre faculdade. Mas, é a minha rotina agora. Espero que entendam. Prometo começar a falar sobre algo interessante. Bem, que tal começar agora?
Essa semana descobri como é maravilhoso ouvir alguém falar sobre a vida do infeliz que te fez chorar por tanto tempo e responder: - E eu com isso? - Pode parecer bobo, mas eu fiquei feliz. Isso é um grande sinal que não sinto mais raiva, nem pena. Sinto indiferença. E sabe qual é o outro nome que se dá para isso? - Tocar para frente! É conhecer alguém realmente especial, lindo, amoroso, carinhoso, atencioso e só notar isto. E digo isso com toda certeza do mundo! Nenhum defeito dele diminui o meu amor por ele. O que passou, ficou. E Deus me trouxe alguém assim, do jeitinho que eu sempre quis pra mim, responsável por cada sorriso meu há exatamente dois anos, quatro meses e dezoito dias! E agora, depois de ler isto... Quer um conselho? 

- Toca pra frente.

Um comentário:

gii . disse...

ai, que saudade dos seus textinhos, nathalia! boa sorte com a facul :D

beijoca'