quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Esperança

“A esperança é um alimento da nossa alma, ao qual se mistura sempre o veneno do medo”.
Voltaire
Ela é a última que morre? Bem, ela nem deveria morrer.  Se ainda insisto é por acreditar que é possível.
Não precisa ser agora, pode ser daqui há alguns anos... - Eu não me importo.
Desde que ela me prove um dia que esperar não foi em vão. Os sonhos dentro de mim estão cada vez mais sonhados, mais desejados. Sinto falta das coisas fáceis de sonhar. Sinto falta de não ter que esperar tanto para então poder realizar.
Eles parecem cada vez mais distantes! - Só Deus sabe como tem sido difícil esperar pelo inesperado. (Porque, por mais que eu diga que eu espero, eu não sei se estou preparada para o dia que eu finalmente puder realizá-los). Eu não estava pronta para conhecer a pessoa que mudaria os meus dias. Mas por algum motivo, eu soube fazer a coisa certa quando foi preciso.
É engraçado como uma pessoa pode mudar tanta coisa. (E não precisa de muito trabalho para isso acontecer, basta ela existir e te conhecer). 
Faz um tempo que mudei meus planos (e com isso os sonhos) por alguém. Passei a sonhar à dois; a sonhar os sonhos de outro alguém. Sonhos que eu nunca teria sozinha.
Juntos, esperamos por um futuro incerto, mas com a esperança de que tudo sairá bem.
A espera definitivamente, não pode matar a esperança.

Com esperança, nós esperamos.





4 comentários:

Ana.K disse...

Me vi neste post,
a esperança é o que me move acreditar que esta maldita espera valerá a pena.
Não que a espera seja realmente maldita, por que ela faz com que eu me motive cada dia mais!

Caroline Farias disse...

Adooorei!

Vim agradecer pelo selinho, obrigada mesmo pelo reconhecimento, eu e a Ana Carol ficamos muito feliz!

beijinhos

Laya disse...

Linda essa postagem sobre esperança, adorei :)
Tem post novo no meu:

http://alternativa-fashion.blogspot.com/

bjs florzinha! :*

May Ribeiro disse...

"É engraçado como uma pessoa pode mudar tanta coisa" Temos um poder e tanto, sem saber!